5 Exemplos de Arte Digital Interativa para te inspirar a ser um Artista Digital

Tempo de leitura: 2 minutos

O que é Arte Digital

A Arte Digital é uma manifestação artística que se utiliza de sistemas computacionais para criar obras multimídia que de forma tradicional não seriam possíveis. Trata-se de um processo de desenvolvimento artístico que tem na tecnologia a principal forma de linguagem criativa. Usando computadores, internet e dispositivos inteligentes cada vez menores, artistas têm revolucionado a forma como as pessoas interagem com as suas criações.

Este movimento vem ganhando força pelo mundo. Artistas e designers têm criado peças de arte maravilhosas que são experiências únicas. Algumas estão expostas em museus e galerias de arte. Outras são instalações urbanas gigantescas que permitem às pessoas interagirem e terem contato direto com a obra. No Brasil, o Festival Internacional de Linguagem Eletrônica – FILE é uma das mais importantes exposições do gênero.

Neste artigo, eu quero te mostrar alguns vídeos com exemplos do uso da tecnologia como forma de arte e lhe convidar a apreciá-las. Trata-se de uma modalidade especial chamada Instalação Interativa. Se você é um artista moderno e ainda não conhece tecnologia, veja o nosso artigo sobre como começar com Arduino.

Blooming

O Blooming é uma instalação interativa feita com papéis recortados em formato de flores que se abrem a quem vier apreciá-las. A obra é constituída de um sensor de presença que sinaliza ao sistema computacional, feito com Arduino, que há pessoas em frente à tela. Neste momento, os motores são acionados para movimentar as pétalas. Quando o visitante vai embora as flores se fecham novamente.

Piano Staircase

A escadaria que toca como um piano é uma das instalação urbana mais conhecidas. Com mais de 23 milhões de visualizações no Youtube, a obra criada pela agência DDB Stockholm para a Volkswagen espera mostrar como a diversão pode mudar o comportamento das pessoas para melhor.

Megalovania: By 450kV Tesla Coil & Robot Orchestra

Muitos dispositivos eletrônicos emitem som quando são acionados. Baseado neste princípio, podemos utilizá-los como “instrumentos musicais” para criar uma verdadeira música eletrônica. Neste cover de Megalovania, tema do jogo Undertale, todos os sons são produzidos unicamente desta forma. Não há alto-falantes nem pós-produção de vídeo. Um Arduino atua como interpretador MIDI e comanda os diversos componentes.

Into the Wind

Não podemos ver o vento, mas podemos senti-lo. Esta obra do artista Witaya Junma materializa o efeito do vento quando o público interage com ela soprando em uma pequena caixa.

Cubled

Um cubo de 5 metros de largura com 27 esferas luminosas piscando ao som da música. Um DJ comandando o show. Em Cubled, as notas MIDI são geradas por um sequenciador e convertidas por um Arduino Uno em sinais elétricos que comandam as luzes em um espetáculo luminoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *